China defende firmemente propósitos e princípios da carta da ONU, diz chanceler

359
O conselheiro de Estado e ministro das Relações Exteriores da China, Wang Yi (E), se reúne com Csaba Korosi, presidente da 77ª sessão da Assembleia Geral das Nações Unidas (AGNU), à margem da 77ª sessão da AGNU, em Nova York, no dia 24 de setembro de 2022. (Foto: Xinhua/Li Rui)
- 广告 Publicidade -

“A China defende firmemente os propósitos e princípios da Carta das Nações Unidas e o papel central que está sendo desempenhado pelas Nações Unidas em assuntos internacionais”, disse o conselheiro de Estado e ministro das Relações Exteriores da China, Wang Yi, neste sábado.

Em seu encontro com Csaba Korosi, presidente da 77ª sessão da Assembleia Geral das Nações Unidas (AGNU), Wang disse que as Nações Unidas são o mecanismo central e a plataforma mais importante para salvaguardar o multilateralismo, acrescentando que a China é o primeiro país a assinar a Carta das Nações Unidas e sempre defendeu a prática do verdadeiro multilateralismo.

- Publicidade Patrocinada -

“Nós apoiamos firmemente o importante papel da AGNU na abordagem dos desafios globais, bem como o trabalho do presidente da AGNU”, disse ele.

Observando que o mundo de hoje não está pacífico, Wang disse que o presidente chinês, Xi Jinping, propôs a Iniciativa de Segurança Global e defende um conceito de segurança comum, abrangente, cooperativo e sustentável, o que oferece uma solução chinesa para compensar os déficits de paz e resolver o dilema da segurança.

A China também apresentou a Iniciativa de Desenvolvimento Global, que é uma contribuição do país para focar em questões de desenvolvimento e acelerar a realização da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável e que recebeu resposta positiva e apoio da comunidade internacional, disse Wang.

O lado chinês está disposto a fortalecer a sinergia com as Nações Unidas, mobilizar mais recursos e formar uma força conjunta maior, acrescentou.

Por sua vez, Korosi disse que a China é uma defensora do multilateralismo e um parceiro importante das Nações Unidas que desempenha um papel fundamental nos assuntos da AGNU.

Ele expressou sua gratidão pelo apoio consistente da China ao presidente da AGNU no cumprimento de suas funções e afirmou que continuará a intensificar a cooperação com a China para enfrentar conjuntamente os desafios globais.

Observando que as importantes iniciativas apresentadas por Xi proporcionam uma visão e soluções para a construção de um consenso ainda maior e medidas eficazes para enfrentar os desafios atuais, ele disse que espera fortalecer a coordenação com a China para lidar com as mudanças climáticas e a proteção dos recursos hídricos e implementar a agenda do desenvolvimento sustentável.

Wang disse que o desenvolvimento sustentável é a causa comum da humanidade.

Ele também disse que há alguns dias a China sediou a reunião ministerial do Grupo de Amigos da Iniciativa de Desenvolvimento Global e anunciou que tomaria mais sete medidas para implementar a iniciativa.

A China também apresentou dados sobre desenvolvimento sustentável global às Nações Unidas, observou Wang, dizendo que o lado chinês está pronto para manter comunicação com o Escritório do Presidente da AGNU sobre desenvolvimento verde e proteção dos recursos hídricos globais, e apoia uma bem-sucedida 27ª sessão da Conferência das Partes (COP27) da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança Climática.

- Publicidade Patrocinada -

留言 DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui