China e Qatar fecham acordo de US$60bi em fornecimento de GNL

O país sede da Copa do Mundo irá fornecer 4 milhões de toneladas por ano de Gás natural liquefeito à China por US$ 60 bilhões.

520
Funcionários da Sinopec inspecionam gasodutos in Puyang, província de Henan. (Foto: Tong Jiang/China Daily)
- 广告 Publicidade -

Nesta segunda (21), a estatal de energia da China, Sinopec, anunciou em uma cerimônia virtual que teria fechado um acordo com o país sede da Copa do Mundo, Qatar.

O acordo prevê uma entrega anual de 4 milhões toneladas de Gás natural liquefeito (GNL) à China ao longo de 27 anos, a partir de 2026. O acordo acontece num momento onde a segunda maior economia do mundo busca garantir sua segurança energética.

- Publicidade Patrocinada -

Países da Europa também tem buscado fechar parcerias com o Qatar e outros países do Golfo Pérsico para substituir o gás russo. No entanto, ainda existe resistência de alguns setores que acreditam que o consumo de combustíveis fósseis vão na contramão da agenda ecológica.

*Com informações da Bloomberg

- Publicidade Patrocinada -

留言 DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui