Esquiadora brasileira Jaqueline Mourão participa dos Jogos Olímpicos em Beijing pela segunda vez

235

“Tenho boas lembranças de Beijing e é ótimo poder voltar”.

A participação nos Jogos Olímpicos de Inverno de Beijing é a 8ª viagem olímpica da esquiadora brasileira Jaqueline Mourão, de 46 anos, e sua segunda vez em Beijing para participar dos Jogos Olímpicos.

- Publicidade Patrocinada -

Nos Jogos Olímpicos de Beijing 2008, Mourão conquistou o 19º lugar na competição de ciclismo (mountain bike). “Beijing é linda e as (Olimpíadas) estavam bem organizadas. Naquela época, eu andava de bicicleta em Beijing para treinar, fazer compras e conhecer a cidade. Tenho boas lembranças de Beijing, e foi muito bom poder voltar”.

Aos 15 anos, Mourão entrou em contato com o esporte de ciclismo (mountain bike), representando o Brasil em três Olimpíadas de verão desde 2004. Em 2005, Mourão passou a se dedicar aos esportes de gelo e neve. Ela alcançou avanços no esqui cross-country e no biatlo num curto período de tempo e participou de quatro Jogos Olímpicos de Inverno consecutivos desde os Jogos Olímpicos de Inverno de Turim de 2006.

Quando veio para Beijing para competir desta vez, Mourão sentiu que a mudança mais óbvia em si mesmo foi psicológica. “Em comparação com aquele ano, minha mentalidade está mais madura agora. Minha experiência de vida é mais rica, o que me permite estar mais focada no que quero fazer”. E o que não mudou ao longo dos anos foi sua paixão pelo esporte. “Sou atleta desde a juventude e o esporte se tornou parte da minha vida. Estou ansiosa para voltar ao campo olímpico”.

Mourão, em seus treinos, vem lutando contra lesões no ombro. No ano passado, ela participou das Olimpíadas de Tóquio e, desta vez, participa das Olimpíadas de Inverno de Beijing 2022, e precisou passar do verão para o inverno em um curto período de tempo. “Tudo é possível, basta acreditar”, disse Mourão.

- Publicidade Patrocinada -

留言 DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui