5G: Investimentos podem chegar a R$ 163 bilhões em 20 anos

Edital do 5G prevê que, além das outorgas e obrigações previstas, os operadores terão de realizar aportes em infraestrutura de rede

192

Na segunda-feira (27), a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) publicou o edital para a licitação de radiofrequências nas faixas de 700 MHz, 2,3 GHz, 3,5 GHz e 26 GHz – reservadas à exploração de serviços móveis com uso da tecnologia de quinta geração (5G).

O documento é considerado um avanço pela Anatel por estabelecer metas de investimentos conectadas a políticas públicas para a universalização da banda larga e melhora sistêmica da infraestrutura de telecomunicações.

“O edital responde às demandas dos planos de crescimento econômico, de sustentabilidade socioambiental e dos avanços na educação’, disse Leonardo de Morais, presidente da agência, em coletiva de imprensa sobre o edital.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui