Novo Conceito Estratégico da Otan designa Rússia como ameaça principal e China como desafio de longo prazo

A aliança acusa a Rússia de "destruir" a paz e a China de "tentar subverter a ordem internacional baseada em regras"

282
(Foto: NATO)
- 广告 Publicidade -

A Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), que realiza uma Cúpula em Madri nesta quarta-feira, 29, revelou o Novo Conceito Estratégico da aliança. 

No documento, a Rússia, que conduz uma operação militar especial na Ucrânia, é definida como “a ameaça mais significativa e direta à segurança dos Aliados e à paz e estabilidade na área euro-atlântica”. “À luz de suas políticas e ações hostis, não podemos considerar a Federação Russa como nossa parceira”, segue.

- Publicidade Patrocinada -

Em vez disso, o novo conceito sustenta que Moscou “destruiu a paz e alterou gravemente nosso ambiente de segurança”, acrescentando: “Não podemos descartar a possibilidade de um ataque contra a soberania e integridade territorial dos Aliados”.

China

O novo conceito estratégico identifica o crescimento do Exército de Libertação Popular como um desafio de longo prazo, e acusa a China de ações “coercitivas” que desafiam os “valores” atlantistas.

“As ambições declaradas e políticas coercitivas da República Popular da China desafiam nossos interesses, segurança e valores”, disse o documento.

“Ela se esforça para subverter a ordem internacional baseada em regras, inclusive nos domínios espacial, cibernético e marítimo”.

A Otan ainda acusa Pequim de atacar membros do bloco com “operações híbridas e cibernéticas maliciosas e sua retórica de confronto”. (Com informações da DW). 

- Publicidade Patrocinada -

留言 DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui