Porta-aviões dos EUA chega à Coreia do Sul para pressionar Pyongyang

Esquadra americana deve realizar exercícios conjuntos com o exército sul-coreano, em mais uma provocação contra a Coreia do Norte

239
O porta-aviões estadunidense USS Ronald Reagan (Foto: Divulgação)
- 广告 Publicidade -

O porta-aviões USS Ronald Reagan atracou na Coreia do Sul, pela primeira vez em quase cinco anos, nesta sexta-feira (23), em mais uma demonstração de força e provocação contra a Coreia do Norte. O objetivo proclamado é se opor aos testes de armas realizados pelo líder norte-coreano Kim Jong-un.

O porta-aviões americano, de propulsão nuclear, e navios de sua flotilha de ataque atracaram no porto de Busan, como parte de um plano de Seul e Washington para ter mais equipamentos militares e tropas dos EUA operando na área.

- Publicidade Patrocinada -

“A chegada do porta-aviões USS Ronald Reagan a Busan demonstra a força da aliança entre a Coreia do Sul e os Estados Unidos”, disse um funcionário do Ministério da Defesa sul-coreano. 

Os navios norte-americanos atracados em Busan devem realizar exercícios conjuntos com o exército sul-coreano na costa leste do país, no qual também deve participar o submarino nuclear USS Annapolis.

- Publicidade Patrocinada -

留言 DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui