Com Brasil em alta na China, investidores de Shenzhen visitam São Paulo

Comitiva de um dos maiores polos de tecnologia do mundo estará em São Paulo para aproximar governos, investidores e empresários

1340

A cidade de São Paulo receberá na tarde da próxima sexta-feira, dia 14 de abril, uma delegação composta por gestores públicos e empresários da cidade chinesa de Shenzhen, distrito Yantian.

Organizado pela Câmara Brasil-China de Desenvolvimento Econômico (CBCDE), o encontro será focado nos setores de comércio, logística, serviços portuários e tecnologia da informação. A Conferência de Cooperação Econômica e Comercial China (Shenzhen-Yantian) – Brasil (São Paulo) é a primeira deste tipo promovida por Shenzhen-Yantian na América Latina.

Retomada bilateral

A expectativa com a retomada da agenda bilateral Brasil-China está animando investidores. O fim das restrições em função da COVID-19 e a atenção dedicada pelo novo governo do Brasil no âmbito da COSBAN são alguns dos motivos.

Apesar da pandemia, a China não cessou os investimentos no Brasil. O volume de investimentos de 2021 (US $5,9 bilhões) registrou um crescimento de 208% em relação ao ano anterior (2021, US $1,9 bilhões), superando também o ano de 2019 (US $5,6 bilhões), anterior à COVID-19. 

Em geral, os investimentos chineses no Brasil se concentram na área de fabricação de automóveis, aparelhos elétricos, eletricidade e serviços financeiros. Em Tecnologia da Informação, a China investiu em 10 projetos, todos em São Paulo. Além de concentrar todos os projetos em TI, o Estado de São Paulo foi aquele que mais se beneficiou desses investimentos. Em 2021, o volume apostado no Estado foi de 59% do total.

A “Silicon Valley chinesa”

A cidade de Shenzhen é conhecida em todo o mundo por seu alto grau de desenvolvimento tecnológico. A cidade, que hoje é um polo de serviços financeiros de ponta, foi palco de um desenvolvimento acelerado pela Reforma e Abertura, colocada em prática pelo presidente Deng Xiaoping na década de 1980.

Apelidada de “Silicon Valley chinesa”, Shenzhen é repleta de startups atuando em áreas como inteligência artificial e de tecnologia da informação. O vasto ambiente digital da China, com mais de 800 milhões de usuários, é um enorme laboratório para aperfeiçoar esse tipo de tecnologia.

A cidade também é uma liderança mundial em tecnologias sustentáveis. Toda sua frota de transporte público, seja coletivo ou privado, é composta por veículos elétricos. 

Junto com outras cidades ao Sul da China, Shenzhen faz parte da Área da Grande Baía de Guangdong–Hong Kong–Macau, região formada por nove cidades e duas regiões administrativas especiais. O PIB somado desse grande celeiro de inovações tecnológicas é de 1,8 trilhões de dólares. 

Novos parceiros

O evento receberá cerca de 100 convidados e contará com a presença do Consul Adjunto da Seção Comercial e Econômica do Consulado da R.P. da China em São Paulo, Sr. Pedro Li. O vice-governador, Sr. Felicio Ramuth, está entre os confirmados que irão representar o Estado de São Paulo. A delegação chinesa presente será liderada pelo vice-prefeito do Governo Popular Municipal de Shenzhen, sr. Chen Qing. Além dele, outros cinco membros do corpo administrativo de Shenzhen-Yantian estarão presentes. São eles:

  • Gong Chunhui, Diretor do Departamento de Recursos Humanos e Segurança Social de Shenzhen
  • Lu Nan, Vice-Diretor do Departamento de Desenvolvimento e Reforma do Distrito Yantian, Shenzhen
  • Xie Yanhong, Director, Supervisão e Administração de Agências do Governo do Distrito Yantian, Shenzhen
  • Xiong Zhongfeng, Diretor da Administração dos Ativos Estatais do Distrito Yantian, Shenzhen
  • Chen Wenqing, Vice-Diretor do Departamento de Indústria e Tecnologia da Informação do Distrito Yantian, Shenzhen

A partir do diálogo com a CBCDE, empresários e representantes governamentais, os membros da delegação objetivam se inserir no mercado brasileiro, identificando suas demandas e potencialidades. Há também a expectativa de que se encontrem novos mediadores internacionais para promover a relação entre os dois países.

Próximos passos

A Câmara Brasil-China de Desenvolvimento Econômico (CBCDE) está empenhada em identificar e trabalhar junto ao lado brasileiro para sanar as demandas econômicas, aproximar futuros parceiros e auxiliar governos e empresas a trabalharem juntos em prol da prosperidade comum. 

Nesse sentido, o Secretário-Geral da CBCDE, o Sr. Oscar Wei, informa que estão no horizonte outras atividades do tipo. Está sendo organizada uma conferência voltada para apresentar as novas tendências tecnológicas no setor logístico, o que deve ocorrer no próximo semestre.

Com o envolvimento de pesquisadores e gestores chineses e brasileiros do ramo, a expectativa é que esse encontro promova novas oportunidades para importadores e exportadores.


Para mais informações, como lista de empresas presentes e inscrições, acesse: https://www.china.org.br/shenzhen-saopaulo/