Taikonautas de Shenzhou-13 da China completam segunda missão extraveicular

243
Imagem do Centro de Controle Aeroespacial de Beijing mostra taikonauta chinês Zhai Zhigang saindo do módulo central da estação espacial Tianhe, em 26 de dezembro de 2021. (Foto: Guo Zhongzheng / Xinhua)

Os taikonautas Zhai Zhigang e Ye Guangfu concluíram suas atividades extraveiculares (EVAs, na sigla em inglês) e retornaram ao módulo central da estação espacial Tianhe, disse a Agência de Missões Espaciais Tripuladas da China (CMSA, na sigla em inglês) na madrugada desta segunda-feira (27).

Esta foi a quarta vez que os taikonautas conduziram EVAs durante a construção da estação espacial da China e a segunda pela tripulação da Shenzhou-13. A CMSA declarou que as EVAs foram competamente bem sucedidas.

- Publicidade Patrocinada -

A CMSA disse que o par retornou ao módulo principal às 0:55 (horário de Beijing) após cerca de seis horas de EVAs. Eles concluíram tarefas como levantamento de câmera panorâmica e teste de transporte de mercadorias.

As EVAs testaram ainda mais a função e o desempenho da cabine pressurizada do módulo principal, traje extraveicular e braço mecânico, e avaliaram as tecnologias relacionadas às EVAs, a coordenação de taikonautas dentro e fora da estação espacial e a coordenação entre o espaço e a Terra.

A tripulação da Shenzhou-13 continuará seu trabalho em órbita para dar as boas-vindas ao novo ano. Esta é também a primeira vez que os taikonautas chineses dão as boas-vindas a um novo ano no espaço, acrescentou a CMSA.

A CMSA observou que as operações extraveiculares estão se tornando o trabalho normal das missões de voo da estação espacial. Os taikonautas chineses realizarão mais EVAs que são mais complexas para fornecer um forte suporte para a conclusão bem-sucedida da construção e a operação estável da estação espacial.

A China lançou a espaçonave Shenzhou-13 em 16 de outubro, enviando três taikonautas em uma missão de seis meses para construir sua estação espacial. A tripulação conduziu as primeiras EVAs em 7 de novembro.

Imagem do Centro de Controle Aeroespacial de Beijing mostra taikonauta chinês Wang Yaping trabalhando no módulo central da estação espacial Tianhe, em 26 de dezembro de 2021. (Foto: Guo Zhongzheng / Xinhua)
Imagem do Centro de Controle Aeroespacial de Beijing mostra o taikonauta chinês Ye Guangfu saindo do módulo central da estação espacial Tianhe, em 26 de dezembro de 2021. (Foto: Xinhua / Guo Zhongzheng)
- Publicidade Patrocinada -

留言 DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui