“Vale do Silício da China”, Zhongguancun, registra crescimento de 34% em receitas

Número de funcionários de pesquisa e desenvolvimento aumentou em 9,3% na região

209

As grandes empresas de alta tecnologia em Zhongguancun, em Pequim, também chamada de “Vale do Silício da China”, registraram um crescimento anual de 34% na receita total nos primeiros cinco meses de 2021, mostraram os dados oficiais.

A receita combinada dessas empresas, que se refere principalmente àquelas com renda anual igual ou acima de 20 milhões de yuans (US$ 3,09 milhões), totalizou quase 2,97 trilhões de yuans no período de janeiro a maio, de acordo com o Departamento Municipal de Estatísticas de Pequim.

O número de funcionários de pesquisa e desenvolvimento (P&D) nessas empresas em Zhongguancun atingiu 695 mil durante o mesmo período, um aumento anual de 9,3%. As despesas totais com P&D somaram quase 134 bilhões de yuans, um aumento de 34,7% em termos anuais.

Fundada em 1988 no noroeste de Pequim, Zhongguancun é a primeira zona de desenvolvimento industrial de alta tecnologia a nível nacional, com grupos de universidades e institutos de pesquisa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui